Regras da Falésia Paraíso

A FALÉSIA PARAÍSO ENCONTRA-SE ABERTA EM CARÁTER EXPERIMENTAL, LEIA AS REGRAS COM ATENÇÃO

Lembre-se que você está entrando em uma Propriedade Particular.

1 - Para visitar a propriedade, deve-se pagar R$ 5,00 por pessoa por dia. Se ninguém estiver na segunda casa do sítio (casa do Marcão) colocar o dinheiro na caixinha (cofrinho) que está na varanda ao lado esquerdo da casa. Não deixe de pagar, pois corremos o risco de não poder mais escalar nesta falésia.

2 - É proibido entrar e escalar a noite na falésia.

3 - Na estrada de terra dirija com muita atenção, não exceda 30 km/h, seja cortês e sempre dê preferência aos usuários locais.

4 - Imprima e leve o Guia de Escaladas da Falésia, pois ele contém informações importantes, como chegar, setores e croquis das vias.

5 - Trazer de volta todo o lixo.

6 - É possível acampar mediante pagamento de R$10,00 por pessoa por dia. Reservar antecipadamente por telefone (contatos abaixo).

7 - Proibido fumar e fazer fogueiras.

8 - Evitar deixar veículos na entrada do sítio. Para acessar o estacionamento deve-se abrir a tronqueira e deixar o veículo fora da estradinha no local indicado como estacionamento.

9 - Não fazer algazarra (gritar, xingar ou atirar objetos) e nem assustar os animais do sítio.

10 - Deixar as porteiras e/ou tronqueiras como estavam ao chegar.

11 - Tente evitar, mas caso desejem fazer necessidades fisiológicas, enterrar os dejetos e o papel higiênico.

12 - Não mexer nos materiais que estão na falésia, pois estes pertencem aos conquistadores.

13 - Pague logo ao chegar e quando for embora, certifique-se de ter pago a taxa de visita e camping de todos integrantes do seu grupo.

14 - Não deixe os cachorros do sítio irem para a estrada.

15 - Conquistas somente com autorização do proprietário e conquistadores locais.

16 - Não levar animais (cachorros, gatos, etc.).

Para Informações, dúvidas ou sugestões mande uma mensagem através do blog:

Solicite o telefone do proprietário nos enviando uma mensagem.

terça-feira, 28 de maio de 2013

Uma homenagem e um desrespeito aos proprietários da Falésia.

A homenagem

Neste último fim de semana o tempo ajudou e no domingo, 26 de maio de 2013, junto com Cleiton e Léo Maciel, abrimos mais uma via no setor Visual, setor que conta com algumas vias cujos nomes são homenagens. A via aberta se chama Vô Marcelino, homenageando o falecido pai do proprietário Marcão, que segundo ele, tinha como um dos passa-tempos ficar aos domingos olhando "os aranhas" (como ele carinhosamente se referia aos escaladores) subindo as paredes. A via Vô Marcelino se situa à direita da via O Aprendiz, recebeu a sua primeira cadena no dia da sua abertura e teve grau sugerido como VIIa, esperando mais cadenas para a confirmação.
Inácio fixando a base na via Vô Marcelino, VIIa. 

O desrespeito

No mesmo dia em que prestávamos nossa singela homenagem a um membro da família de um dos proprietários constatamos um desrespeito cometido por algum frequentador que não tem um mínimo de educação. Este mal educado "escalador" ofendeu não apenas os proprietários como a todos aqueles escaladores que frequentam o local. Deixou uma bela parte do seu lixo no setor Cânion. Levamos embora o material e, antes de dar o fim adequado, o fotografamos para que o autor da obra a reconheça, mas não assine embaixo, pois, nem queremos saber quem é. Este artista não é o único, pois temos encontrado este tipo de obras espalhadas pela falésia.
Por essa e por outras insistimos em dizer: SE VOCÊ NÃO CONCORDA COM AS REGRAS IMPOSTAS PARA FREQUENTAR A FALÉSIA PARAÍSO NÃO APAREÇA LÁ, VOCÊ NÃO FAZ FALTA. PARA NÓS SUA AUSÊNCIA É MAIS IMPORTANTE DO QUE SUA PRESENÇA.

Nome da obra Valle Gás, autor desconhecido, técnicas utilizadas: falta de educação e desrespeito.